A principal revista eletrônica de Arquitetura Paisagísticado Brasil !

3 segredos para ter sucesso com as orquídeas


Orquídeas fazem parte da maior família floral do mundo, com mais de 35 mil espécies espalhadas em todos os continentes – exceto Antártida. Algumas são de clima quente, outras de lugares frios, umas preferem as árvores, outras se contentam com terra adubada.

Coluna Carol Costa - Orquideas 3

Essa variedade botânica pode dificultar nossa vida, mas não justifica o monte de informações erradas que recebemos em muitas floriculturas. Aqui vão três dicas fundamentais para você não se perder no blábláblá do vendedor (há muitas outras orientações no site Minhas Plantas, especialmente nas abas TV e Dúvidas).

Coluna Carol Costa - Orquideas 1

1. Orquídeas morrem mais de sede do que afogadas
Nos meus cursos de orquídeas para iniciantes, há um momento que arranca “oh!” dos alunos: é quando coloco o vaso embaixo da pia e encharco a planta toda, inclusive as folhas, até que o barro tenha ficado escuro. Se você regar sua planta assim duas vezes por semana, verá que ela ficará mais bonita e cheia de brotos.
Coluna Carol Costa - Orquideas 2
2. Seu vaso provavelmente está em local escuro demais
Orquídea que não dá flor há anos, mas está com a folhagem bonita só precisa de uma coisa: luz. Eventualmente, até sol. Isso mesmo,s-o-l. O sol da manhã faz bem para quase todas as espécies de orquídeas. A planta pode até ficar bonita na mesa da sala, mas, acabadas as flores, coloque o vaso em local mais iluminado.
3. Sua planta sempre vai ter problemas – e tudo bem
Um dia é lesma, no outro, fungos… Se você não pretende virar babá de planta, aqui vão duas verdades: orquídea bem nutrida não fica doente e é capaz de se defender sozinha. Duvida? Repare como na natureza as orquídeas vivem cheias de pintas, mordidas e buracos e, mesmo assim, dão flores de montão.

Publicidade