13ª Fiaflora ExpoGarden - Cobertura da mostra de paisagismo - 2ª parte


Ana Pozzi e Paulo Spaniol – Arquitetos Paisagistas

Espaço: Paisagismo retrô, o jardim de todos os tempos

A proposta foi criar um ambiente contemporâneo resgatando elementos antigos, mas que até hoje podem ser utilizados em qualquer projeto, mantendo a sofisticação e o bem-estar.

Ana_Pozzi_e_Paulo_Spaniol

O ambiente é composto por espelho d’água de bolinhas de gude, rede para descanso num suporte auto-portante que é novidade no mercado, parede de taipa de pilão, deck em kumaru, espécies tropicais em sua maioria brasileiras, vasos vietnamitas e acessórios decorativos feitos a partir de elementos artesanais indígenas desenvolvidos por um artista plástico que reproduziu os objetos seguindo o conceito do ambiente e casar com os demais objetos de origem indígenas ora expostos.

Paisagismo_retr_o_jardim_de_todos_os_tempos

Ana e Paulo prezaram por trazer plantas que estão prestes a serem extintas, como é o caso do Copo-de-Leite. Eles também priorizaram a acessibilidade e a sustentabilidade na concepção do projeto, em prol da qualidade de vida.

 

Luiz Gustavo e Luiz Felipe Camargo Gomez – Arquitetos Paisagistas

Espaço: Lembranças de Marrocos

A Idéia central foi transmitir a sensação que um cliente (imaginário) teve ao visitar Marrocos. Este cliente, ao voltar para o Brasil, quis desenvolver um projeto de paisagismo com características mediterrâneas para eternizar suas lembranças daquele país.

Luiz_Gustavo_e_Luiz_Felipe_Camargo_Gomez

Porém, os arquitetos paisagistas criaram, para 13ª Fiaflora ExpoGarden, um espaço com a finalidade de mostrar que este mesmo conceito de projeto é adaptável para qualquer jardim em qualquer país do mundo. Para isso, foram desenvolvidas duas áreas de estar: o solário e o ambiente para refeições.

Luiz_Gustavo_e_Luiz_Felipe_Camargo_Gomez_-_Solrio

No solário, a composição conta com duas espreguiçadeiras, dois garden seat, pedriscos, uma jardineira com duas palmeiras fênix, mini-pândanos, espelho d’água em fonte com cerâmica vietnamita que embeleza o projeto com plantas aquáticas fazendo a ligação do ambientes.

No ambiente para refeições, os profissionais desenvolveram o deck elevado e uma estrutura de madeira que insinua uma pérgola, porém, vasada que proporciona o mesmo aconchego. Neste ambiente eles usaram uma mesa de mosaico marroquino com cadeiras de fibra sintética, luminárias marroquinas, paisagismo vertical de samambaias e jardineiras que envolvem o ambiente com vegetações que lembram as que são usadas no paisagismo marroquino, só que com espécies adaptadas ao tropicalismo brasileiro.

Luiz_Gustavo_e_Luiz_Felipe_Camargo_Gomez_-_espaco_de_refeicoes

Para dar um toque de requinte, desenvolveram o projeto de luminotécnica para destacar as palmeiras e os demais acessórios nas ocasiões noturnas, provocando ótimas lembranças das noites em Marrocos através de um projeto contemporâneo.

 

Felipe Mascarenhas – Arquiteto Paisagista

Espaço: Zen, o quiosque conceitual

O espaço foi projetado para servir como “home spa” com elementos naturais e sustentáveis. Ao entrar, o visitante encontrará um ambiente de relaxamento e bem-estar.

Felipe_Mascarenhas

Concebido para aguçar os 5 sentidos com características expressivas como: sons, cores, texturas, formas e aromas, o ambiente é composto por: ofurô, painel de bolhas em acrílico, piso de bambu tratado, vasos high tech  e orientais, palmeiras raras e acessórios decorativos.

Espaco_Zen_-_o_quiosque_conceitual

espaco_zen_-_13_fiaflora

O deck e banco são feitos de madeiras de reflorestamento e todo o ambiente ganha toque de criatividade através da iluminação especial.

 

Tânia Sanches – Arquiteta, Paisagista e Artista Plástica

Espaço: Para desfrutar e ser desfrutado

A idéia do projeto é proporcionar um aconchego onde a pessoa possa desfrutar um ambiente contemporâneo ao lado da piscina, na varanda, no terraço e, principalmente, no jardim.

Tania_Sanches

Através da composição de formas e cores a profissional busca qualidade tanto na estética quanto na funcionalidade, dispondo de móveis e acessórios que servem para áreas externas e internas. O ambiente é composto por madeiras certificadas, plantas de fácil manutenção, vasos, pedriscos e cascas de madeira, além do toque de alegria proporcionado pela luminotécnica.

Espaco_Para_desfrutar_e_ser_desfrutado

A textura e as obras de arte foram criadas pela própria Tânia com o intuito de personalizar o espaço.

 

Rodrigo Jensen – Biólogo Paisagista

Espaço: Obra Singela

A idéia central foi desenvolver um ambiente rústico utilizando-se de recursos reciclados buscando transmitir o conceito de sustentabilidade aos visitantes.

Rodrigo_Jensen

O profissional se preocupou em apresentar soluções que caibam em qualquer  bolso e perfil de cliente, pois, o paisagismo deve ser acessível para todos e também desmistificar  que é algo muito sofisticado e, portanto, privilégio de poucos.

Rodrigo usou em seu ambiente, móveis rústicos, pisadas, pedriscos, cachepôs de cruzetas, tábuas de reuso de obras para fazer o deck, as fontes são o resultado do reaproveitamento das luminárias de poste, bacias em aço inox, palmeiras fênix, bambu mossô, jaboticabeira, moréias, maria-sem-vergonha, aspargo rabo-de-gato e orquídeas, além de iluminação especial que valorizou o traçado orgânico e a composição do espaço.

Espaco_Obra_Singela


Publicidade