A principal revista eletrônica de Arquitetura Paisagísticado Brasil !

Prefeitura começa a instalar Corredor Verde na Avenida 23 de Maio

Prefeitura começa a instalar Corredor Verde na Avenida 23 de Maio


A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria do Verde e Meio Ambiente, deu início à instalação do “Corredor Verde” na Avenida 23 de Maio. O Viaduto Tutóia é o primeiro a receber cerca de 30 espécies de plantas numa área de 1.439 m². Até o fim de junho, outros seis trechos da avenida serão beneficiados pela iniciativa.

“Vai ser uma nova referência na vida da cidade. É uma ação que mostra a humanização da cidade, com o objetivo de embelezar e preservar a capital”, disse o prefeito João Doria.

corredor verde 23 de maio 5

O projeto ocupará, no total, uma área de 10.950 m² de extensão na avenida. Fazem parte dos muros públicos que receberão as instalações os viadutos Santa Generosa, Beneficência Portuguesa, Pedroso, São Joaquim, Tutóia e Jaceguai. O custo para cobertura de toda a extensão é cerca de R$ 9,7 milhões e o trabalho será concluído em julho. As equipes encarregadas do projeto estão autorizadas a trabalhar de segunda a sábado, das 22h às 5h, e das 14h de domingo às 5h de segunda.

corredor verde 23 de maio 3

O Viaduto Tutóia já recebeu a instalação da irrigação e, em breve, terá início o plantio das 30 espécies de plantas e folhagens, como manjericão, coração magoado, alecrim, brilhantina, tapete inglês, orégano, salsa íris, coleus, entre outras, que também farão parte da estrutura dos demais viadutos que integram o projeto.

A execução do projeto será feita pelo Movimento 90º, especializado em jardins verticais. Serão utilizadas no Corredor Verde mais de 251 mil mudas de plantas. As estruturas dos painéis serão feitas com 163,7 toneladas de lixo reciclado e, quando concluídos, os jardins irão capturar 66,8 toneladas de CO2. Existe também a expectativa de redução de ruídos na região, o que será medido posteriormente.

corredor verde 23 de maio 1

O projeto faz parte de um Termo de Compromisso Ambiental (TCA) assinado na gestão anterior com a empresa Tishman Speyer, destinado à construção de oito jardins verticais na cidade. Até o fim de 2016, haviam sido realizados cinco desses jardins nas laterais de prédios que circundam o Minhocão, na região central da cidade.

A atual gestão deu continuidade ao termo assinado, mas direcionou o projeto para a Avenida 23 de Maio, privilegiando os muros públicos no lugar de paredes de propriedades particulares. Além disso, estendeu o tempo de manutenção dos jardins, que inclui a revisão nos gotejadores, monitoramento diário da irrigação, fertilização, podas quando necessário e verificação da estrutura.

corredor verde 23 de maio 2

Em janeiro, a Avenida 23 de Maio recebeu a terceira edição do programa São Paulo Cidade Linda. A ação de zeladoria da Prefeitura tem como principal objetivo revitalizar áreas degradadas da capital paulista. Na ocasião, foram realizadas 728 podas de árvores e retiradas quase 38,5 toneladas de lixo, além de renovados 10,8 quilômetros de calçadas e canteiros centrais.


Publicidade