A principal revista eletrônica de Arquitetura Paisagística do Brasil !

Jardim das Estações – Lounge da Saída - Por Sara Palamoni, Meire Lemes e Felipe Mascarenhas


O caminho sinuoso no piso induz as pessoas a prestarem atenção no entorno, a iluminação das rampas com estrelado de fibra ótica as conduzem para os dois lounges centrais.

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida8

Dentro dos lounges, a iluminação cenográfica torna o ambiente mais aconchegante. Os tecidos e a madeira de demolição do mobiliário dão um ar de rusticidade. O lindo jardim vertical de trandescantia zebrina e trandescantia abacaxi contempla bicas d’água que provocam um barulhinho gostoso relembrando os sons da natureza.

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida5

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida4

Sob o tema: Moda, Estilo e Tecnologia, aliados aos conceitos da Arquitetura, Paisagismo, Cenografia e Artes Plásticas, o Jardim das Estações agrega em sua essência a união destes conceitos e contempla esculturas que simbolizam as estações do ano, criadas em material leve e com cores que representam estes períodos.

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida6

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida7

Em alguns momentos do evento estas esculturas estáticas serão substituídas por esculturas vivas, que terão um movimento sutil e leve como os da natureza, representando as estações: verão – o sol, primavera – as flores, outono – folhas secas, inverno – frio. Outro item de destaque é o som ambiente, que serve para tematizar os momentos de relaxamento e bem estar enquanto se aprecia o jardim.

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida9

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida11

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida10

A sustentabilidade também é destaque no ambiente, no qual, foi utilizada madeira de reflorestamento na construção de decks, pérgolas e estruturas. A automação da iluminação, bombas d’água das fontes, lagos e do som ambiente, foi projetada para economizar ao máximo a energia elétrica, além de utilizar Led e fibra ótica na maioria das luminárias.

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida12

As belas plantas ornamentais como: Palmeira Elegante, Pandanus Utilis, Bromélias Imperiais, Manacá da Serra, Papirus Gigante, Cica Revoluta, Fórmio Verde e as demais forrações que dão acabamento estético ao ambiente, em sua maioria são nativas e necessitam de menor manutenção e consumo de água. Alguns objetos decorativos são de reuso e a madeira dos mobiliários é demolição.

26_casa_cor_-_sara_palamoni_meire_lemes_e_felipe_mascarenhas_-_jardim_das_estacoes_-_lounge_da_saida13

Dentre outras funcionalidades que proporcionam bem estar aos visitantes, o projeto do Jardim das Estações atende todas as normas de acessibilidade e inclusão social, com rampas e mobiliário ergonomicamente projetados para atender a todos com criatividade, conforto e segurança.


Publicidade