Avaliação do Usuário

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive

                                                        bem_dito_canto_1

 

Móveis e objetos antigos, com histórico de família, que algumas vezes aparentam não ter tanto destaque entre os demais na decoração de sua casa.

 

 

Objetos que permitem preservar as lembranças da infância ou momentos agradáveis e ajudam a praticar a sustentabilidade.

Avaliação do Usuário

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive

01_ecopaisagismo_4

 

Este artigo nos faz pensar que praticar a Sustentabilidade é algo que nos mostra que a criatividade pode ser um instrumento fundamental na hora de projetar jardins belos e funcionais quando se tem recursos limitados. O texto abaixo é fruto da ousadia da equipe da Item 6 Arquitetura Sustentável e nos mostra uma intervenção paisagística que teve várias características sustentáveis em sua execução.

 

Trata-se de um espaço simples onde a arquiteta e paisagista Camila Simhon, responsável pelos projetos paisagísticos da Item 6, conseguiu transformar um quintal, antes sem uso, em uma área de descanso e contemplação a custos bem baixos.

2.15_vista_superior_antes

Foram plantadas 5 mudas de tumbérgia (Thunbergia grandiflora), uma espécie de trepadeira com lindas flores em tons azulados, junto ao muro, diretamente no solo. Ao lado de cada uma, cabos de aço foram fixados para auxiliar em sua condução e em aproximadamente 4 meses o muro já estava todo fechado.

2.15_vista_superior_depois_01

“Essa é uma espécie de trepadeira fácil de cuidar, precisando apenas de adubação, como todas as plantas, e algumas podas quando necessário”, salienta Camila Simhon.

2.15_horta_pvc_02

 

 

 

 

 

As duas Ravenala madagascariensis, popularmente conhecidas como árvore-do-viajante, plantadas no solo, também se desenvolveram rapidamente nesse mesmo período, assim como a pitangueira e a romanzeira plantadas em vasos, que colaboraram, junto com espécies variadas de flores, na atração de pássaros.

 

 

 

 

 

“Esse espaço é um bom exemplo de um jardim sustentável, pois ele foi feito a um custo muito baixo, onde as cadeiras foram reutilizadas (repintadas), os vasos foram doados (por isso um diferente do outro), além das hortas de temperos plantadas em tubos de PVC, uma ideia super criativa e prática que também pode ser usada em apartamentos ...

2.15_horta_pvc_01_novo_tam

... Mais um exemplo de como é possível renovar ambientes internos e externos com um pouco de bom gosto, criatividade, a custos acessíveis e sem grandes intervenções”, finaliza Camila Simhon, responsável pelos projetos paisagísticos da Item 6 Arquitetura Sustentável.

 

Contato:

www.item6.com.br

Avaliação do Usuário

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive

01_-_jardins_de_chuva

 

Jardins de chuva: uma solução verde simples e eficiente contra problemas de drenagem,  inundações e enchentes.

 

É principalmente neste período de chuvas que os problemas ocasionados pela impermeabilização do solo surgem com maior intensidade devido, inclusive à ocupação humana de forma não planejada nos grandes centros urbanos, com isso as conseqüências como enchentes,desmoronamentos e demais problemas de drenagem não param de aumentar e definitivamente não podem ser resolvidos simplesmente através da construção de grandes obras civis.

Avaliação do Usuário

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive

Já não é novidade a carência acompanhada pelo dever da prática do desenvolvimento sustentável, que consiste, sobretudo, no exercício de um consumo consciente. Denise Barretto, arquiteta há mais de 20 anos com um portfólio extenso de projetos residenciais, corporativos e comerciais, elaborados dentro de um conceito original e contemporâneo, demonstra, por meio de indicações de produtos, que aplicar a sustentabilidade na decoração de interiores é uma solução para se obter um ambiente requintado e atual.

01_Denise_Barretto_1

Avaliação do Usuário

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive

0.0aaolo_aberto_Promapiso

 

Seja uma reforma ou uma construção, a escolha dos produtos é um passo muito importante, afinal, mais que cores e combinações, deve-se levar em consideração qualidade, fabricante responsável e toxidade.

Muito se fala em sustentabilidade, mas o consumidor ainda está vulnerável, pois faltam esclarecimentos neste assunto e, muitas vezes, o que existe são apenas informações equivocadas ou sem comprovações.

Uma referência que pode ser usada para colaborar nesta escolha é o Selo SustentaX, rotulagem de sustentabilidade, que identifica produtos sustentáveis desde 2008.

Avaliação do Usuário

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive

1_foto_de_Ricardo_Cardim

 

 

Após o expressivo crescimento de empreendimentos sustentáveis no Brasil, a nova tendência é tornar sustentáveis os edifícios já existentes, a fim de se obter redução dos custos operacionais e melhorar a qualidade dos ambientes.

 

Publicidade

Newsletters

Cadastre-se e receba  nossas novidades.

Siga-nos

Siga nossas redes sociais

facebook verde twitter verde Instragran verde

Últimas Matérias Publicadas

  • Idealização da Praça Ayrton Senna do Brasil

  • Tendências na arquitetura para lojas de moda

  • CASACOR RS 2017 chega a sua 26ª edição

  • Confira o lindo jardim vertical no interior de São Paulo com GreenWall Ceramic

  • Linha Levve marca presença na Casa Cor SP 2017

  • 1