Balanço Geral Casa Cor Santa Catarina 2010

Avaliação do Usuário

Star InactiveStar InactiveStar InactiveStar InactiveStar Inactive
 

A Casa Cor Santa Catarina envolveu mais de 100 profissionais, em 59 ambientes, e foi um sucesso de público na capital catarinense, tanto que superou a estimativa da organização, recebendo um total de 23 mil pessoas, no período entre 20 de março e 27 de abril de 2010.  O público, na maioria com potencial de compra, prestigiou também, nos últimos dois dias, o Special Sale, onde objetos expostos foram vendidos aos visitantes.

Além de abranger o tema nacional na mostra, "Sua casa, sua vida, mais sustentável e feliz", o evento teve foco regional na cultura e homenageou diversos artistas do estado em 17 ambientes. Destes, o ambiente Sala de exposições Lindolf Bell, totalmente restaurado em parceria com a Asbea-SC, foi entregue à sociedade na solenidade de encerramento da mostra, como uma das contrapartidas do evento realizado no Centro Integrado de Cultura, em Florianópolis.

 

O Portal Paisagismo em Foco apresenta em primeira mão, os destaques paisagísticos da mostra. Confira !

 

Jardim Frontal homenageou Max Hablitzel

 O Jardim Frontal - Praça Max Hablitzel foi projetado pela arquiteta paisagista Juliana Castro, com inspirações nos jardins modernistas. O nome do ambiente foi escolhido como homenagem ao maior colecionador de bromélias de Santa Catarina.

jardim_frontal

O local foi composto visando valorizar a flora tropical, com plantas grandes de presença marcante e destaque para as palmeiras e butiás plantados para emoldurar os dois lados da entrada do evento. Os espelhos d’água, localizados entre as floreiras, contribuíam para proporcionar um ar refrescante ao ambiente e dava boas vindas aos visitantes da CASA COR SANTA CATARINA.

 

Homenageado

 Suíço naturalizado brasileiro o agricultor Max Hablitzel Santa Catarina em 1950 e ocupou a área do bairro Fazenda Santo Antônio, no município de São José, também chamado de "Fazenda do Max". Conhecido pelo cuidado com a natureza, Max cultivou durante toda a vida bromélias e orquídeas.

 

 

Jardim de Inverno inspirado no minimalismo

 

O Jardim de Inverno trouxe motivos contemporâneos com tendências minimalistas. Inspirado no Oriente, o jardim com 86 m², utilizou vegetação desértica, com plantas que são esculturas, além de cactáceas, pedras e plantas de jardim oriental. A decoração do ambiente contava ainda com o jardim vertical, uma parede verde cheia de samambaias.

jd_de_inverno

Para as arquitetas Ana Paula Jeffe, Crislane Cintra da Silva e o paisagista Ilson Pfleger, idealizadores do jardim, o uso de carvão mineral como forração foi um dos grandes destaques, juntamente com o uso do bamboo floor – piso de bambu.

Adicionar comentário


Código de segurança Gerar novo código

Publicidade

Newsletters

Cadastre-se e receba  nossas novidades.

Siga-nos

Siga nossas redes sociais

facebook verde twitter verde Instragran verde

Últimas Matérias Publicadas

  • Idealização da Praça Ayrton Senna do Brasil

  • Tendências na arquitetura para lojas de moda

  • CASACOR RS 2017 chega a sua 26ª edição

  • Confira o lindo jardim vertical no interior de São Paulo com GreenWall Ceramic

  • Linha Levve marca presença na Casa Cor SP 2017

  • 1